Covid: jornais publicam sobre perfil ‘negacionista’ de Búzios e casos aumentam na cidade

Desde as festas de final de ano que os casos da Covid-19 não param de aumentar, aglomerações podem ter contribuído para o crescimento.  

Logo na primeira semana de 2022, uma das colunas mais lidas no país, do Ancelmo Gois, do jornal O Globo, publicou que farmácias de Búzios estavam fazendo diversos testes e grande parte dando positivo.

O Globo

É exatamente o que comprovamos em apuração, estamos no meio do mês de janeiro e com uma consulta em algumas farmácias, além da comprovação dos resultados positivos, farmácias estão trabalhando com agendamento, e pode demorar alguns dias, já que a procura está grande.

Os pontos de testagem da prefeitura também estão com imenso fluxo de pessoas com sintomas variados.

O cenário só não é pior por conta das vacinas, que não impede a contaminação, mas diminui o risco de morte e internações.

Anúncios

Aglomerações e negacionaismo

Além das festas de final de ano, a agenda de eventos privados pela Cidade, com venda de ingressos, está lotada até fevereiro.

Tem até festival acontecendo em um clube no canto direito de Geribá, em área residencial, o qual a Comarca de Búzios chegou a suspender os shows, contudo, uma liminar fora concedida para que os shows fossem realizados. Um dos shows, por exemplo, chegou a reunir mais de três mil pessoas de acordo com outra reportagem.    

Anúncios

E ainda na coluna do Ancelmo, de acordo com a publicação, “Búzios está nadando contra a corrente científica”. Já que ainda tem médico receitando no hospital da cidade, Azitromicina e Ivermectina: “como se sebe, são dois medicamentos sem nenhuma eficácia contra a doença”.

O Globo

Enquanto isso os casos de pacientes de Covid não param de crescer, no primeiro dia do ano, de acordo com a prefeitura de Búzios, eram quatro pessoas em isolamento domiciliar e no dia 17 de janeiro, já eram 575 em isolamento.

Vale ressaltar que, nem todos que estão com sintomas fazem o teste, e ainda têm outros que podem ter contraído a doença, mas estão assintomáticos. Sendo assim, os números podem estar subnotificados.


Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s