Após vetos do presidente, mobilização e bom senso dão vitória para a Cultura

Previsão para o estado do Rio de Janeiro é do recebimento de mais de R$ 140 milhões.

O presidente Jair Bolsonaro havia vetado leis que beneficiariam o setor cultural, verba que iria para estados e municípios brasileiros, vale lembrar que o setor emprega direta e indiretamente milhões de pessoas.

No dia 05 de julho, deputados e senadores derrubaram os vetos do presidente e assim deram encaminhamento para a validação das leis de incentivo cultural.  

Anúncios

Contudo, a pressão popular e de trabalhadores do setor, além de deputados e senadores, principalmente ligados à esquerda, já dura aproximadamente um ano. Importante lembrar que ao ver um artista no palco, mesmo em um monólogo, são diversos empregos gerados nos bastidores, além de incentivar a geração de emprego e renda de outros setores, como serviços e turismo, por exemplo.

Anúncios

Para a votação, parlamentares se articularam e aprovaram de forma contundente a derrubada dos vetos feitos pelo presidente, que declaradamente sempre criticou o setor cultural.

Para uma questão de comparação, recentemente, em duas semanas, o Congresso indicou 6,1 bilhões em emendas do chamado orçamento secreto e as duas leis culturais irão distribuir 6,8 bilhões para estados e municípios.

A Região dos Lagos também estará contemplada, a previsão para Búzios é receber pouco mais de R$ 300 mil.    

Imagem de capa: Reprodução Internet


Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s