Ciclovia em Búzios (talvez) só em 2020

Obra já dura mais de um ano e prefeitura divulga nova previsão para conclusão de trecho da principal via da cidade.  

A tão sonhada ciclovia não ficará pronta neste ano, assim como não ficou no ano passado, primeira previsão de conclusão.

A prefeitura de Búzios emitiu nota no dia 18 de dezembro, informando que a obra de requalificação da Avenida José Bento Ribeiro Dantas, trecho compreendido da entrada da Tartaruga até a Policlínica, será paralisada por conta das festas de fim de ano.

Anúncios

A obra deveria ter ficado pronta para o início do Verão do ano passado (2018), no entanto, de acordo com o Secretário de Obras Paulo Abranches, em entrevista concedida para o buziostem.com, publicada em 30 de maio, a empresa responsável quase faliu, suspendendo os serviços prestados.

Fim da linha

Depois de tramites burocráticos a mesma empresa renovou o contrato alegando que conseguiria concluir a obra licitada. A nova previsão de conclusão passou para agosto de 2019. Contudo, todos que utilizam a principal via de Búzios, sabem que mais uma vez o prazo foi expirado.

Entramos em contato com a Secretaria de Desenvolvimento Urbano de Búzios, e nos foi dito que “a obra será paralisada apenas durante as festas de fim de ano e voltará em janeiro, sendo paralisada novamente durante o Carnaval”.

Sobre o motivo do atraso nos foi dito “que a instabilidade política (contínua troca de prefeitos por problemas com a Justiça) causou o atraso.” Quando questionada se a licitação não deveria valer para a prefeitura, independente do prefeito que estivesse no dia, nos responderam que “a constante troca de prefeitos e de funcionários acabaram prejudicando a administração, atrasando pagamentos, contratos e a própria fiscalização da Caixa Econômica Federal”, que acompanha a obra por ter verba federal. A nova previsão para a conclusão, de acordo com a prefeitura de Búzios, é que fique pronta em maio / junho de 2020.

Instabilidade política

Tudo que acontece causando prejuízos para o cidadão, o prefeito, vereadores e apoiadores do gestor da vez, alegam a instabilidade política causada pela Justiça. No entanto, vemos que o Juiz determina, e se toma alguma decisão é bem provável que tenha identificado algo errado para justificar sua tese. Realmente, existe uma constante apresentação de liminares e são incontáveis as vezes que o prefeito foi trocado no últimos anos.

Algo que poderia minimizar os danos seria a convocação dos aprovados no último Concurso Público realizado em Búzios (2012). Esse, inclusive, é um dos ‘problemas com a Justiça’ que o prefeito André Granado responde (a não convocação).

Anúncios

O Sindicato dos Servidores Públicos (ServBúzios) faz diversas cobranças nessa direção, e há anos. Alertaram justamente para a falta de continuidade da prestação de serviços da prefeitura e a constante troca de funcionários contratados a cada vez que o prefeito é substituído. Vale ressaltar que os prejuízos para a população não se resumem a obras em andamento, mas para todos os outros setores.

A Organização Ciclistas de Búzios lamenta a nova prorrogação de prazo para a conclusão da obra. “São anos de luta, fizemos inúmeras campanhas pela ciclovia, e a obra finalmente começou, mas para acabar está difícil. Mas acredito que ano que vem sendo ano de eleição, a probabilidade de conclusão da obra aumenta. Mas independente disso, novamente os prejudicados são os moradores e turistas, não podemos viver reféns de instabilidade política, jurídica ou qualquer outra. Precisamos de uma cidade que funcione”.


2 comentários

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s